Atitude+

Histórias inspiradoras de pessoas que investiram na criatividade e empreenderam seus talentos.

criatividade para prosperidade fernanda ribeiro foto capa 071547

Fernanda Ribeiro

voz, câmera, ação

Fernanda Ribeiro teve uma infância incomum. Como ela mesma define, “minha infância foi na correria”. Na verdade, a atriz e dubladora, de 19 anos de idade, diz que a sua vida sempre foi corrida e agitada.

“Eu saía da escola às 12h30 e, geralmente, havia um carro da TV Globo ou da TV Record já me esperando na porta para me levar para alguma gravação ou mesmo a minha mãe, que me levava para os estúdios de dublagem. Às vezes, eu tinha que deixar as aulas, infelizmente, um pouquinho mais cedo para trabalhar”, conta Fernanda. Comer no carro o almoço que a sua mãe deixava preparado numa vasilha, escovar os dentes nos estúdios e lá aproveitar as pausas para fazer as tarefas e estudar para as provas, eram situações que faziam parte da sua rotina.

Ela trabalhava e também brincava de pular corda, de amarelinha e gostava de andar de bicicleta no quintal. “Mas não ia para a rua sem meu pai estar em casa, pois morávamos em uma comunidade, na cidade de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro”, relembra. Sua mãe é dona de casa, seu pai é motorista na Petrobras e seu irmão também é ator, ingressando agora na área de dublagem.

“Eu sempre tive muito apoio dos meus pais para fazer o que eu gosto. Sempre correram atrás comigo, minha mãe sempre fazia de tudo para me colocar em cursos bons, mesmo sem dinheiro”, relembra feliz.

Com apenas quatro anos, Fernanda dizia que queria estar na TV. Um ano depois, já estava na TV e no teatro. “Sempre gostei muito de arte”, conta. Quando criança, um dos seus sonhos era que a escola tivesse aulas de teatro. Como não foi possível, insistia para que sua mãe a colocasse em vários cursos e workshops. É curiosa! Também gostava muito de estudar Matemática e, no Ensino Médio, a Química Orgânica foi a disciplina que despertou sua paixão. “Sempre gostei de estudar. Amo aprender coisas novas”, completa. E depois veio a dublagem e o canto!

criatividade para prosperidade fernanda ribeiro foto 2 210237
Arquivo Pessoal: Fernanda com o elenco da novela Rebelde

Aos cinco anos, ela iniciou suas aulas de teatro e logo passou pelos cursos da Izabella Bicalho, da Andréa Avancini e da Mareliz Rodrigues, com quem teve a oportunidade de fazer “várias e várias peças de teatro”. Por falar em Mareliz, quando ela dirigia um curta-metragem com Victor Frade chamado “Confusões de Adolescentes”, ela convidou a Fernanda para atuar no filme e foi responsável por um dos momentos mais marcantes da carreira da garota.

“Nessa época, um dia, eu estava sem fazer nada e fui até a casa dessa diretora, onde havia um curso de dublagem. Voltei enlouquecida e falei para a minha mãe que eu queria aquilo para a minha vida! Na época, minha mãe me disse que estávamos apertados de grana, mas que ela faria de tudo para me colocar no curso, se era isso mesmo que eu queria”, relembra.

E foi assim que ela iniciou sua carreira na área de dublagem, quando tinha sete anos de idade. Depois de uma semana de curso, Garcia Júnior, representante da Disney no Brasil, ouviu a sua voz e fez o convite para um teste da Ellie, personagem do filme Up – Altas Aventuras. Ela foi selecionada e nunca mais parou de dublar.

“Fiquei muito feliz porque eu sempre fui uma criança enlouquecida pela Disney, sempre amei muito. Então, dublar um personagem que é uma princesa foi muito gratificante e emocionante para mim. Depois desse primeiro teste, a Disney me chamou para dublar outras princesas porque eles gostaram muito da minha voz. E depois, outros diretores foram me descobrindo e eu não parei mais de dublar”, conta orgulhosa.

criatividade para prosperidade fernanda ribeiro foto 3 210238
Arquivo pessoal: Fernanda recebendo Prêmio de Dublagem

Como dicas para quem quer entrar nessa área, a profissional indica, primeiramente, fazer um curso de teatro.

“Se a pessoa souber interpretar com alguém olhando pra ela, como numa plateia, ela vai saber interpretar utilizando só a voz. No início, eu tive muita dificuldade de conciliar o texto com a imagem. Isso porque o dublador tem que ler e ver ao mesmo tempo. E eu era muito novinha e só tive uma semana de curso. Mas, na prática, tudo se resolve”, explica.

Ela também orienta cuidar bem da voz, que é o principal instrumento de trabalho. Recomenda fazer alguns exercícios de fonoaudiologia e de canto diariamente e beber bastante água.

Além disso, ela aponta que, geralmente, não há tempo para o profissional estudar para compor cada personagem, que é conhecido na hora de gravar. O diretor sempre diz como aquele personagem é, como age, qual a personalidade, a idade.

“Depois, eu começo a ouvir a voz original para ver se eu posso pegar o tom, se fica legal. Quando eu acho que é possível melhorar, eu dou a minha carinha ou sigo o personagem original”, conta.

Ela ainda faz questão de relacionar seus ídolos na dublagem: Sérgio Stern, Márcio Simões, Flávia Saddy (que foi sua professora), Pamella Rodrigues, Garcia Júnior e muito outros. Já na dramaturgia, ela destaca: Cris Vianna, Taís Araújo, Isabel Fillardis, Oprah Winfrey, Jennifer Hudson e várias outras.

Hoje, Fernanda está no terceiro período do curso de Cinema. Faculdade, aliás, que sonhava em fazer desde os seus seis ou sete anos de idade.

“Desde pequenininha, logo quando eu entrei na televisão e comecei a entender o que era faculdade, eu dizia para a minha mãe que queria fazer esse curso. Na época, minha mãe não dava muita atenção porque achava que isso era coisa de criança”, relembra.

criatividade para prosperidade fernanda ribeiro foto 4 210240
Arquivo pessoal: nunca duvide dos sonhos de uma criança!

Com os anos, ela foi pesquisando sobre o assunto, as universidades e a área e viu que muitos atores, inclusive internacionais, fizeram faculdade de Cinema.

“Logo nos primeiros dias de aula fiquei impressionada, vi o mundo que está por trás daquilo tudo. Fiquei realmente muito impressionada com a infraestrutura e por saber como os diretores pensam. Eu já tinha essa vontade de ser diretora porque eu já tinha visto eles trabalhando. Sempre achei muito maneiro. Eu sempre tive uma mente de líder”, orgulha-se.

Atualmente, ela é líder da sua turma de faculdade e complementa dizendo que gosta de estar à frente do que faz e de fazer tudo direitinho. E se não ficar perfeito, refazer.

criatividade para prosperidade fernanda ribeiro foto 5 210242
Arquivo pessoal: Fernanda na assinatura do contrato da novela Salve-se quem puder

“Eu gosto disso, eu gosto de resultados inesperados e os resultados incríveis que uma cena dá. É isso que eu quero para a minha vida! Sou apaixonada por direção também. É incrível!”, vibra a estudante. 

Fernanda vive a intensidade de seus sonhos e sua determinação, desde muito nova, é exemplo de que não há limites e nem idade para realizá-los. Seu talento multifacetado é pura inspiração! 

Monólogo

Conheça alguns trabalhos realizados pela Fernanda:

Dublagem

  • Up Altas Aventuras – 2009 – jovem Ellie
  • A Princesa e o Sapo – 2009 – jovem Charlotte
  • Toy Story 3 – 2010 – Ervilha
  • Meu Amigãozão – Série Discovery Kids – desde 2010 – Yuri
  • Bubble Guppies – Série Nicklodeon – desde 2010 – Molly
  • Enrolados – 2010 – Rapunzel Criança
  • True Blood – Série HBO – 2011 – Emma
  • O Íncrivel Mundo de Gumball – Série Cartoon – desde 2011 – Anaís
  • Clay Kids – Série Gloob – 2013 – Jessie
  • Sammy – A Grande Fuga – 2013 – Annabel
  • Procurando Nemo – 2012 – Darla
  • Valente – 2012 – Merida criança
  • Teresa – 2018 – Pablinho
  • De Férias com o Ex – 2019 – Sydney
  • Diário de Horrores – 2019 – Mia
  • Meu Coração É Teu – 2019 – Briana
  • Lovecraft Country – 2020 – Diana

Teatro

  • Os Doze Trabalhos de Hércules, direção de Izabella Bicalho
  • Severina, direção de Andréa Avancini
  • O Herdeiro Milionário, direção de Andréa Avancini
  • A Menina e o Vento, direção de Izabella Bicalho
  • Musical Grease, direção de Mareliz Rodrigues
  • A Megera Domada, direção de Cininha de Paula
  • Broadway em Revista, direção de Cininha de Paula e Gustavo Klein

Siga a Fernanda Ribeiro:

Skip to content